Loading...

Vacinas e cuidados extras na estrada

Para viajar com segurança é preciso estar preparado e bem fisicamente, através de vacinas e cuidados extras.

Uma das melhores e mais recomendadas formas para isso é estar devidamente vacinado. Inclusive, em certos países o turista só pode entrar se apresentar o certificado internacional de vacina.  

Em países como África do Sul, Austrália e Tailândia a apresentação do certificado internacional de vacina da febre amarela é imprescindível. Normalmente o viajante nem pode embarcar sem ele, já que a companhia aérea solicita o mesmo no ato do check-in.

Sem o certificado, você não entrará em varias países.

Mas, por que alguns países obrigam a vacinação?  

Ao contrário do que muita gente possa pensar, os países exigem vacinação para precaver que visitantes levem doenças. Na maioria das vezes, essa exigência não acontece porque o território apresenta riscos de contaminação. É apenas uma maneira que o país encontrou para proteger seus cidadãos.  

Qual a antecedência para tomar vacinas e cuidados extras antes de viajar? 

O ideal é procurar o médico com um mês de antecedência da viagem para conseguir se organizar e tomar todas as doses de vacina necessárias. Isso porque algumas delas levam semanas para gerar a proteção desejada, como é o caso da vacina contra a febre amarela, que é recomendado tomar com até três semanas de antecedência da data de embarque.  

Qual vacina tomar? 

O tipo de vacina depende do seu destino e quem melhor pode te recomendar isso é um médico infectologista. Por isso, a consulta antes da viagem é essencial.  

Em escala mundial, a única vacina que é amplamente exigida é a da febre amarela, uma doença infecciosa comum em países da América do Sul e Central e em algumas regiões da África. 

Contra as hepatites A e B existe um imunizante que pode ser tomado em qualquer momento da vida. No caso da vacina para a febre tifóide, ela só é necessária quando a viagem tem como destino locais que reportam casos da doença, como Índia, a parte Ocidental da África e Peru. 

Outra vacina que não pode ficar de fora da relação é a meningocócica ACWY, que resguarda de vários tipos de meningite. Caso você não tenha tomado as doses na infância, converse com seu médico. Atualmente, essa vacina só está disponível na rede privada.  

Quais são as vacinas mais recomendadas?  

Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) recomenda que o turista esteja sempre em dia nas vacinas para Tétano e Difteria, para as Hepatites A e B e a vacina Tríplice Viral, que protege contra Sarampo, Caxumba e Rubéola. A antirrábica, que protege contra a raiva eventualmente transmitida em mordida de cachorros, ratos e morcegos, também é útil. 

Quais países exigem a vacinação? 

Antes de viajar, confira o site da Anvisa onde você seleciona o país de destino e recebe as informações de obrigatoriedade ou recomendação de todas as vacinas. 

O certificado de vacinação internacional.

Como fazer o Certificado Internacional de Vacinação? 

Esse certificado comprova que você realmente tomou as vacinas necessárias para a sua viagem. No Brasil ele é concedido pela Anvisa e para obtê-lo você deve preencher o formulário no site da Anvisa. Depois, deve ir juntamente com sua carteirinha de vacinação comum, para algum dos Centros de Orientação para a Saúde do Viajante.

Guarde seu certificado porque ele será requisitado no check-in e no desembarque nos países onde a vacinação é obrigatória. Quando retornar de viagem não se desfaça dele, pois a maioria das vacinas possui um extenso prazo de validade e não é necessário fazer um novo certificado com o tempo.  

Nossos Parceiros

Microsoft_Home

Deixe seu comentário! Queremos sua opinião.

Queremos te ajudar a viajar ainda mais!

Você deve amar viajar tanto quanto nós!
Somente entre com seu e-mail abaixo e prometemos enviar as melhores dicas de viagem!
Sim, eu quero receber novidades
close-link
2018-05-05T16:49:19+00:00
Você deve amar viajar tanto quanto nós!
Somente entre com seu e-mail abaixo e prometemos enviar as melhores dicas de viagem!
Sim, eu quero receber novidades
close-link
shares