Loading...
Holanda 2018-05-09T20:07:11+00:00

Europa – Holanda

Conhecida pelo colorido de suas tulipas e famosa por seus canais que transpassam por todo o país, a Holanda reserva em cada canto uma surpresa encantadora.

De viagem de barco por seus canais ou lagos, uma tarde na praia ou caminhando de bicicleta por bosques a beleza do lugar é um atrativo a parte.

Se ser livre, vestir-se como quiser, segurança e liberdade são alguns dos itens necessários para se sentir a vontade, a Holanda com certeza ganhará um lugarzinho no seu coração. Conhecida por sua liberdade e tolerância o país segue um pensamento progressista e está entre os mais liberais em relação a drogas, aborto, prostituição e na luta contra a homofobia, inclusive foi um dos primeiros a autorizar o casamento homoafetivo.

Uma das curiosidades do país é que apesar de chamarmos de Holanda seu nome oficial é Nederland, (país baixo) a região recebeu esse nome por conta de suas terras que ficam localizadas abaixo do nível do mar. Ficou conhecido como Holanda por suas duas províncias mais famosas, Holanda do Norte e do Sul.

Quando se fala no país logo se pensa em sua capital, Amsterdã, Red Light Districts e Coffee Shops, mas o país tem muito mais a oferecer. Ficou com vontade de pegar uma bike e sair andando por todos os cantos da região? Então conheça mais sobre esse país encantador e planeje sua viagem sem deixar nada de fora.

Nossos Parceiros

Microsoft_Home

Amsterdam é a principal cidade da Holanda

Informações úteis

Capital: Amsterdã
Moeda: Euro (Eur)
Idioma: Neerlandês (oficial)
População: 17,1 milhões
Requer Visto: Não
Requer Vacinas: Não
Eletricidade: 230 v
IDH: 0,924 (7º)

Quando ir a Holanda

O clima na Holanda não é muito consistente e vária diversas vezes durante o mesmo dia. Porém, a maior parte o tempo é ameno, ou seja, as vezes chove, mas poucas vezes faz calor como nós, de países tropicais, estamos acostumados.

Para decidir a melhor época de sua viagem o tempo dificilmente será o ponto definitivo, porque como falamos o clima varia muito. Mas você pode levar em conta a melhor época por estar mais lotada, férias e lugares que deseja visitar.

Alta temporada (junho a agosto): Época de férias escolares no Brasil também é alta temporada em boa parte do mundo. O verão em Amsterdã não tem temperaturas tão altas como temos no Brasil e a melhor parte é que demora muito mais para escurecer muitas vezes o sol fica até as 22h00.

Durante essa época você encontrará muita gente na rua e os lugares lotados, porém como demora a anoitecer o dia rende muito e você consegue aproveitar muito bem o país.

Para aproveitar um pouco de tudo que o país oferece de entretenimento vamos dar algumas sugestões: você pode andar de barco pelos canais, fazer piquenique em algum parque do país e principalmente em Amsterdã, cidade repleta de áreas verdes e parques. Da também para ir para alguma praia urbana ou se refrescar em seus vários parques com piscinas gratuitas.

O verão é a época dos festivais, então não deixe de curtir muita música e arte.  E o melhor, boa parte desses festivais são gratuitos.

Média temporada (março a maio): A primavera em Amsterdã tem tempo instável. Na maior parte do tempo começa o dia com calor e ao cair a noite ocorre algumas quedas súbitas de temperaturas. A temperatura variam e ficam na média de 6°C a 16°C, boa parte do tempo as temperaturas são agradáveis.

O outono em Amsterdam também é considerado média temporada, a cidade não está lotada, a paisagem fica cheia de folhas amarelas e o país já não está tão frio. Um ponto positivo é que por não ser alta temporada as coisas estão mais baratas.

Baixa temporada (dezembro a fevereiro): O inverno é mais vazio e muito mais barato, simples assim. Se tiver sorte até pode nevar e os canais podem congelar, o que o deixa ainda mais bonito. O lado negativo é que muitas atrações fecham mais cedo, e outras nem chegam a abrir.  Também no inverno anoitece bem cedo o que faz com que o tempo dos passeios seja menor. Mas não se preocupe a Holanda não é um país de temperaturas extremas a média nessa época fica entre 3°C e 7°C.

Já pensou o que pode fazer durante essa época? Algumas dicas são patinar no gelo, aproveitar os inúmeros museus, curtir outras atrações indoor. O museu de Van Gogh e da Anne Frank são os mais famosos de Amsterdam. Você também pode aproveitar um momento único e curtir o festival das luzes, o Amsterdam Light Festival, quando a cidade fica toda ilumina com suas estátuas de luz, em uma exposição espalhada por toda a cidade. Maravilhoso!

Qual é a época certa para ver as tulipas? A primavera é conhecida por ser época das flores e todo mundo que visita o país quer saber quando ver suas famosas tulipas. A melhor época para se ver as flores é no fim de abril quando ocorre também o Koninginnedag, o Dia da Rainha, uma grande festa por todo o país onde os locais saem vestidos com roupas de cor laranja por toda a cidade.

Como chegar na Holanda

Para chegar a Holanda viajando do Brasil, há voos diretos para Amsterdã saindo de São Paulo, Rio de Janeiro e Recife. As operadoras que realizam esses voos é a companhia aérea holandesa KLM.

Para quem está na Europa existem voos saindo de vários países. De Portugal tem voos diretos de cidades como: Lisboa, Faro e de Porto. Pela Europa você consegue economizar viajando por  companhias low cost, aquelas mais baratas. Algumas empresas que fazem esses voos são vueling, Easyjet e a Ryanair.

Na hora de viajar muita gente tem dúvida e vamos esclarecer. O brasileiro não precisa de visto pra ir para a Holanda, se for ficar até 3 meses na Europa em países da zona Schengen.

Transporte no país

Uber: O aplicativo de transporte mais famosa dos últimos tempos é uma boa forma de locomoção pela cidade. O Uber é legalizado no país e o valor é mais barato que os táxis tradicionais.  Uma opção para quem deseja pegar Uber é assim que chegar em Amsterdã, alguns motoristas ficam parados perto do aeroporto Schiphol.

Car Pooling: Car pooling é quando duas ou mais pessoas dividem o mesmo carro. Isso diminui o transito e o transporte fica mais barato para todos que utilizam. Existem alguns aplicativos que fazem o intermédio entre quem tem carro e precisa de uma carona alguns conhecidos são Car 2 Go e Green Wheels.

Metrô: O metrô da Holanda é bem completo e tem 5 linhas e 52 estações e está interligado com o sistema de trem. É indicado para chegar aos principais terminais da cidade. O funcionamento vai das 6h00 da manhã até às 00h30 e a linha ainda conta com ônibus noturno que operam de 00h30 até as 7h00.

Ônibus: Os locais reclamam um pouco, mas a verdade é que o transporte na Holanda é excelente e chega em todas as partes do país. Os ônibus têm linhas locais e linhas intermunicipais e o funcionamento costumam parar por volta da meia noite, porém como já demos a dica existe o nachtlijnen, ônibus noturnos e que opera até 7h00 da manhã.

City pass para o transporte: Uma dúvida constante do turista é: vale a pena investir no city pass? a resposta depende do que você deseja. Mas o City pass traz excelentes benefícios desde entrada rápida nos principais museus e atrações mais famosas, como entrada gratuita em alguns lugares. Oferecem tour de barco e até descontos em aluguel de bicicleta, restaurantes e em algumas lojas. Para comprar basta ir em um posto de atendimento ao turista ou na estação de trem.

Navio/barco/cruzeiro: A Holanda é banhada por canais e lagos o barco é um dos meios de transportes mais utilizados tanto para locomoção quando para turismo. A cidade oferece inúmeros pacotes de passeios turísticos e até aluguel de barco em que você mesmo pode pilotar e navegar pelos canais mais famosos da região.

Bicicleta: Diferente de alguns países a Holanda ainda tem mais um meio de trampos e talvez seja o meio mais utilizado, a bike . O país inclusive é conhecido como um país de ciclistas as ruas são separadas com ciclovias e existem com semáforos exclusivos para organizar o trânsito. Em todo o canto existem bicicletas para alugar e você pode deixá-las em abrigos uma especia de estacionamento de bikes no qual você paga uma pequena quantia ou de graça em racks que estão espalhados.

Trem: A melhor maneira de viajar pela Holanda é de trem. O sistema de trem ao qual inclui os metrôs e os ônibus elétricos, trams. É muito eficiente e está presente em quase todo o país.  O turista pode utilizar 3 tipos de trem: o Intercity, que tem a viagem mais rápida, wifi e tem até dois andares; o Sprinter, é um pouco mais lento e para em todas as estações  e o Intercity Direct. Para comprar os passes de trens pode ser nos guichês das estações ou nas máquinas amarelas que estão dentro das estações. Você pode utilizar paper card, que vale para uma viagem ida ou ida e volta. Ou pode fazer um dos cartões anonymous OV card e personal OV card, essa opção é indicada para quem vai um período maior por lá.

Acessibilidade: A Holanda é conhecida como o país mais livre do planeta e não deixa o título a desejar em nenhum momento. O país em si é plano e a maioria dos lugares tem rampas e fácil acesso. O trem é o único transporte que conta com um degrau na entrada, porém existem funcionários para auxiliar quem precisa. Uma opção para fácil locomoção seja de deficiente ou para quem está com malas grandes, ou qualquer outro motivo é o tram. O meio de transporte está presente em toda cidade e tem acesso com rampas de acesso o que facilita e muito a locomoção.

A simpatica cidade de Delft na Holanda

Hospedagem

Apesar de ser um país pequeno a Holanda é um país turístico então não faltam opções de hospedagem. De hotels a hostels, albergues e Couchsurfing. Conheça os melhores lugares para se hospedar os mais caros, os com mais benefícios, as melhores regiões e etc.

Tem para todos os gostos.

SUGESTÕES:

Via Amsterdam

Localizado a 6 minutos de metro do centro de Amesterdão e apenas a 12 minutos da Estação Central. O lugar oferece aluguel de bicicletas para que você consiga se locomover pela cidade. O hostel fica no meio do campus estudantil e é ótimo para quem busca agito e animação.

The Flying Pig Beach Hostel

O hostel The Flying Pig Beach Hostel fica a apenas 35km de Amsterdã na Praia de Noordwijk.  Localizado perto da cidade estudantil Leiden, de Rotterdam, den Haag, Haarlem e Amsterdã. O hostel também oferece café da manhã e wifi.

Amigo Budget Hostel

O hostel oferece quartos privativos e compartilhados. Localizado a menos de 2 minutos a pé da parada de ônibus e bonde Pretoriusstraat. A Praça Rembrandt está localizada a 15 minutos de bonde do hotel, enquanto a Leidseplein está situada a 20 minutos de bonde da propriedade. A Estação Muiderpoort fica a apenas 8 minutos do hotel, e dispõe de conexões para a Estação Central de Amsterdã. Também conta com Wi-Fi gratuito nas áreas comuns.

Amsterdam Hostel Annemarie

O Amsterdam Hostel Annemarie fica localizado no centro de Amsterdã. A2,7 km da Praça Dam e do Museu Madam Tussauds Amsterdam. Perto de bares, restaurantes e lojas e a apenas 300 m da parada de bonde Spui, onde passam 6 linhas de bonde com conexões para toda a cidade. O lugar fica também fica perto do Museu Casa de Rembrandt e o Mercado das Flores. Oferece WiFi e depósito para bagagem gratuitos, além de aluguel de bicicletas.

W Amsterdam

centro da cidade de Amsterdã, perto da Praça Dam. O W Amsterdam oferece quartos, suítes e uma piscina aquecida na cobertura. O lugar conta com 3 restaurantes: o MR PORTER, o The Butcher e o The Duchess. Tem espaço exclusivo para quem deseja fazer uma reunião de negócios, o business center WIRED tem cerca de 414 metros quadrados. O hotel Fica perto de lojas de marcas famosas como: H&M, Nike, Gucci, Tiffany & Co, Ralph Lauren ideal para quem gosta de glamour e luxo.

Sofitel Legend The Grand Amsterdam

Hotel 5 estrelas no centro de Amsterdã oferece quartos e instalações luxuosas. Seu serviço conta com  restaurante de alta qualidade e spa com piscina coberta.

O restaurante do hotel, o Bridges, tem estrela Michelin e especialidade em frutos do mar orgânicos. Caso queria fazer a degustação de caviar e lagosta com um coquetel, basta visitar o bar de coquetéis ou de alimentos crudívoros.

O local fica perto dos pontos mais famosos da cidade o Museu Van Gogh, a Casa de Anne Frank e a Estação Central de Amsterdã.

Couchsurfing

Está viajando com pouca grana ou quer economizar na hospedagem? Couchsurfing pode ser a solução. O sistema oferece hospedagem na casa de moradores da cidade em que deseja. Para isso basta cadastrar-se no site e escolher um anfitrião disponível. Após é só conversar com ele e verificar sua reputação. Os anfitriões oferecem um espaço em suas casas sem receber nada em troca e você tem a chance de viver como um local do lugar que está visitando.

Você pode gostar:

O que levar

A mala é um dos itens mais importantes de uma viagem e o que se coloca nela muitas vezes dá mais trabalho do que o planejamento da viagem em um todo.

A Holanda é um país em que o clima não é definido. No verão não faz apenas calor e primavera e outono podem cair chuvas torrenciais. Para não ficar na dúvida de que tipo de roupas levar faça uma listinha do que é necessário e garanta uma viagem sem imprevistos.

Existem alguns itens que são indispensáveis independente da época do ano. São eles: tênis, leve pelo menos dois pares. Escolha os mais confortáveis que tiver, o lugar é plano e boa parte dos passeios serão a pé ou de bicicleta.  Também leve casacos, calças e cachecóis: são muito úteis principalmente na parte da noite que costuma ventar bastante.

O que levar no verão: O verão do país não chega a temperaturas tão altas como o verão do Brasil. Na hora de arrumar a mala aposte em vestidos e calças de panos leves. Para usar roupas mais curtas como shortinhos e saias leve meia-calça ou saias longas a noite venta e se você for uma pessoa que sente muito frio o verão lá chega ao máximo 25°c.

O que levar no inverno: O inverno na Holanda é tão inconstante como o tempo no resto do ano. As vezes chega a nevar, as vezes o tempo não passa de um vento frio. Como o país chega a números negativos invista em gorros, casacos, moletons, luvas, botas de preferência com sola de borracha caso enfrente neve não irá sofrer, roupas que te deixem quente e permitam explorar cada canto da região. Uma dica é levar um protetor de orelhas por conta dos fortes ventos na parte da noite e em algumas peças térmicas para usar embaixo da roupa e ficar quentinho.

Veja também:

Comidas imperdíveis

O país não é conhecido por suas iguarias e sim por suas variedades gastronômicas. Em seus mercados e restaurantes você encontrará muita comida internacional. Mas isso não quer dizer que o lugar não tenha seus pratos típicos. Conheça alguns:

#1 Boerenkoolstamppot: Prato especial principalmente para as noites frias de Inverno. O prato é feito de batatas amassadas como purê com couve é servido com carne ou linguiça.

#2 Kroket: Todo brasileiro conhece croquete, mas na Holanda é uma espécie de febre. Todo mundo ama esse tipo de salgado, inclusive o  McDonald’s lá lançou um lanche McKroket por conta disso. Existem fast food que vendem o alimento em vários lugares da cidade.

#3 Stroopwafel: É uma sobremesa holandesa é um biscoitinho parecido com waffle feito de Farinha, Manteiga, Açúcar Refinado, Leite e Ovos o doce é tradição antiga no país.

#4 La Trappe: Para beber a Holanda é conhecida por suas cerveja o país é um dos únicos que conta com um mosteiros trapistas. Você não pode deixar de experimentar.

#5 Appelgebak: Uma torta de maçã feita com massa folhada e coberta de chantilly servido especialmente nos aniversários.

A pé ou de bicicleta são as melhores formas de explorar as pequenas cidades da Holanda

Top 10 imperdíveis

  1. Visitar Haia e seus museus Rijksmuseum, Van Gogh e Mauritshuis
  2. Visitar um campo de tulipas
  3. Visitar um autêntico moinho de vento.
  4. Passeio de barco pelos canais
  5. Casa da Anne Frank
  6. Ir a polêmica Red Light District
  7. Conhecer um dos inúmeros coffee shop espalhados da cidade
  8. Vá ao bar de gelo Icebar Xtracold
  9. Usar bicicleta para fazer seus passeios como os locais
  10. Conhecer a história da cerveja Heineken em seu museu

Dicas e Curiosidades da Holanda

  • A capital dos Países Baixos é Amsterdã, mas a sede do Governo fica na cidade de Haia.
  • 40% do país fica abaixo do nível do mar.
  • Os holandeses são um dos povos mais altos do mundo, tendo os homens uma altura média de 1,84 m e as mulheres 1,78 m.
  • A Cidade de Amsterdã tem só 1.281 pontes.
  • Nos aniversários os Holandeses parabenizam o aniversariante e sua família.
  • O Nordeste brasileiro foi colônia holandesa até 1645.
  • O maior porto do mundo é o de Roterdã, na Holanda.
  • O Hino Nacional holandês é o mais antigo do mundo.
  • O natal é comemorado nos dias 25 e 26 de dezembro.

Se você gosta de…

Adrenalina: Se você é apaixonada por esportes radicais a Holanda tem diversas atividades para fazer sua adrenalina pulsar. Na cidade de Rotterdam é possível fazer o Rapel no Euromast a torre tem 100 metros e você vai curtir uma vista espetacular.

Caminhadas: Bourtange é um pequeno vilarejo localizado na holanda rodeado de áreas verdes o lugar é ideal para dar uma caminhada em um dia e conhecer a fortaleza construída no século XVI.

Culinária: A cidade de Gouda é passagem obrigatória para os amantes de culinária afinal um dos queijos mais famosos do mundo ganhou seu nome. Passe um dia inteiro na cidade e desfrute de seus petiscos e aproveite um delicioso almoço.

Cultura: Berço de um dos artistas mais famosos do planeta, local marco da história mundial. A Holanda tem mais de mil museus e você não pode deixar de conhecer o  Museu Van Gogh e a Casa de Anne Frank.

Paisagens memoráveis: Falar da Holanda e não falar de suas tulipas é impossível. O Parque Keukenhof é onde estão localizadas as flores mais bonitas do mundo. Localizado em Lisse você ficará encantado por suas tulipas coloridas e com certeza fica marcado com imagem das belas plantações de tulipas nas redondezas da cidade.

Refúgios remotos: Cidade das flores ou Haarlem a cidade é chamada das duas formas. Sua arquitetura antiga e paisagens exuberantes trazem uma leveza para sua viagem respirar um ar puro e apreciar seus lindos monumentos.

Vida urbana: Amsterdã é conhecida por seu diferencial e sua liberdade declarada. A cidade é lugar indicado para os mais inúmeros perfis de viajantes por ser cidade grande não é difícil se misturar entre os locais ao passear de bicicleta por suas ruas.

Vida noturna: Quer agitação, festas, bares e restaurantes excepcionais? Groningen é o lugar. Por ser uma cidade universitária é repleta de festas e baladas.

Planejamento de Viagem

Planejar é um dos verbos mais comuns no dia a dia do Viajo logo Existo. Seja do ponto de vista financeiro, dos problemas que podem ocorrer no antes, durante e depois da viagem até em saber quais aplicativos vão te ajudar com isso tudo. Portanto abaixo listamos uma série de posts que vão te AJUDAR a chegar ainda mais longe!

Finanças na Estrada

Saúde na Estrada

Documentos Importantes

Aplicativos para sua viagem

Quer ver todos os posts de planejamento? Clique aqui!

Nossa viagem por lá

O Holanda foi nossa primeira parada na Europa em nossa volta ao mundo. E foi uma decisão acertada! O país é organizado, pequeno, transporte funciona bem e tem muitas coisas pra ver e pra fazer!

É um país seguro?

A Holanda é um dos países mais seguros do mundo. Uma curiosidade é que o país no momento enfrenta uma crise penitenciária por falta de presos. Alguns presídios mais antigos estão virando hotéis com quartos mais rústicos.

Para o turista, pode viajar despreocupado e tranquilo, a criminalidade do país é muito baixa, mas isso não quer dizer que não deva se atentar aos seus pertences.

Se é mulher e está preocupada de viajar sozinha, não fique. O lugar e os moradores são receptivos com os turistas e o país por si só é seguro. Muitas mulheres ficam com medo de visitar a Red Light District sozinha, mas não deixe de ir o local, ele é vigiado por todos os cantos.

Veja também: 

Felizes na Holanda

O que nós achamos da Holanda?

A Holanda estava entre um dos destinos que mais queríamos conhecer na Europa. E temos de dizer que ela não nos desapontou em momento nenhum. Ao todo ficamos quase 20 dias no país, principalmente na cidade de Haia, mas não deixamos de visitar Amsterdam, Delft, Roterdã, Utrecht e mais vários vilarejos pela região.

O país é colorido, vivo, as pessoas são elegantes e a mobilidade é muito fácil. Seja de bicicleta ou de trem, você vai para todos os lados facilmente!

Como um todo nossa experiência só não foi melhor porque ficamos pouco tempo em Amsterdam, rs! Porém já está em nossa lista voltar e aproveitar a principal cidade holandesa com mais calma!

Siga eles no Instagram: Leo Spencer e Rachel Spencer

Melhores Roteiros

Contrate um guia

Essa parte está em desenvolvimento, mais novidades em breve.

Intercâmbio

Essa parte está em desenvolvimento, mais novidades em breve.

Trabalho x Habilidade

Essa parte está em desenvolvimento, mais novidades em breve.

Localize-se no mapa

Baixe nosso guia

Quer todas essas informações de forma gratuita no seu smartphone, mesmo se não tiver internet durante sua viagem? É só baixar o e-book com todo o conteúdo disponível nesta página.

Nossos Parceiros

Microsoft_Home

Deixe seu comentário! Queremos sua opinião.

Queremos te ajudar a viajar ainda mais!

Você deve amar viajar tanto quanto nós!
Somente entre com seu e-mail abaixo e prometemos enviar as melhores dicas de viagem!
Sim, eu quero receber novidades
close-link
Você deve amar viajar tanto quanto nós!
Somente entre com seu e-mail abaixo e prometemos enviar as melhores dicas de viagem!
Sim, eu quero receber novidades
close-link
shares